EREÇÃO CANÔNICA DA PARÓQUIA SÃO JOSÉ NA DIOCESE DE PROPRIÁ


Neste Domingo (26/12), dia em que toda a Igreja celebrou a Festa da Sagrada Família de Nazaré, aconteceu a Ereção Canônica da Paróquia São José na Comunidade Lagoa do Rancho, a primeira em nosso território diocesano dedicada ao Pai adotivo do Menino Deus. A nova Paróquia é a segunda comunidade a ser desmembrada da Paróquia N. Sra. da Conceição de Porto da Folha/SE, sendo posterior à Paróquia de Santa Luzia em Lagoa da Volta.

A Paróquia de São José passa a contar com (18) dezoito comunidades, tendo diversos grupos, pastorais e movimentos, e como primeiro Pároco, o Revmo. Pe. José Cícero da Cruz. A Celebração ocorreu na Igreja dedicada ao padroeiro da comunidade, uma vez que, a Nova Matriz se encontra em fase de construção, e fora concelebrada por sacerdotes de nossa diocese, além dos familiares, seminaristas, autoridades, leigos e leigas, bem como fiéis da Paróquia de Canindé do São Francisco, aonde Pe. Cícero atuava como Vigário Paroquial.

No início da celebração, nosso Bispo acolheu todos os presentes, e em sequência, o chanceler do Bispado, Pe. Francisco Luís proferiu a leitura do Decreto de Ereção Canônica da nova paróquia e da provisão de nomeação do novo pároco.



Em sua homilia, Dom Vítor voltou-se para a perspectiva missionária. Enfatizando a missão do sacerdote durante os primeiros passos da paróquia, relembrando a função do pároco em formar uma família paroquial ativa e participativa, mesmo diante dos desafios do percurso, ressaltando também a ideia de uma paróquia que ama a missão e concretizada na ação duma Igreja em saída, assim como nos pede o Papa Francisco.

No fim da celebração, o Revmo. Pe. Melquisedec, Pároco de Porto da Folha, expressou sua gratidão ao Bispo Diocesano, a comunidade de Lagoa do Rancho, face a nova realidade da qual serão participantes e acolheu o Pároco da Nova Paróquia.



O Novo Pároco, Pe. José Cícero recebeu mensagens de boas-vindas e dirigindo-se aos presentes, agradeceu a presença e empenho de todos, á confiança do Bispo Diocesano nesta nova missão, ao clero, aos seus familiares, e ainda a Paróquia de Canindé do São Francisco onde residia nestes últimos anos.

De tal modo, manifestou ainda o desejo de poder exercer o ministério sacerdotal com a colaboração dos seus novos paroquianos sob o patrocínio e o amparo do Glorioso São José.